Pesquisar

Se quiser, digite seu e-mail para receber atualizações deste blogue:

Se quiser, digite seu e-mail para receber atualizações:

quarta-feira, 27 de julho de 2016

O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo V - 7 - Bem-aventurados os Aflitos



-------------------------------------


Causas anteriores das aflições

7. Os sofrimentos devidos a causas anteriores são sempre, como os decorrentes das falta atuais, a consequência dos erros cometidos, isto é, pela ação de uma rigorosa justiça distributiva, o homem sofre o que fez sofrer aos outros. Se foi duro e desumano, poderá, por sua vez, ser tratado duramente e com desumanidade; se foi orgulhoso, poderá nascer em condição humilhante; se foi avaro, egoísta, ou se empregou mal a sua fortuna, poderá ver-se privado do necessário; se foi mau filho, poderá sofrer pelo procedimento de seus filhos, etc.

Assim se explicam, pela pluralidade das existências e pela destinação da Terra como mundo expiatório, as anomalias que apresenta a distribuição da felicidade e da infelicidade entre os bons e os maus neste mundo. Semelhante anomalia é apenas aparente, porque considerada somente do ponto de vista da vida presente. Aquele que se elevar, pelo pensamento, de modo a abranger toda uma série de existências, verá que cada um recebe a parte que merece, sem prejuízo da que lhe tocará no mundo dos Espíritos, e que a justiça de Deus nunca se interrompe.

O homem jamais deve esquecer que se acha num mundo inferior, ao qual somente é retido pelas suas imperfeições. A cada vicissitude deve lembar-se de que, se pertencesse a um mundo mais adiantado isso não aconteceria e que só depende dele não mais voltar a esse mundo, desde que trabalhe por se melhorar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário